Perigo iminente Atraso em obras põe em risco conserto de comportas, água acumulada e plantações de ribeirinhos, em Boqueirão de Piranhas.

radar190

Não fosse o atraso nas obras ´de melhorias nas comportas do Açude Engenheiro Avidos (Boqueirão de Piranhas), em Cajazeiras, as chuvas seriam motivo apenas de festa e alegria.

As fortes chuvas que têm banhado o Alto Sertão paraibano são benvindas e saudadas pelas populações há séculos castigadas pelas secas.

Não fosse o atraso nas obras ´de melhorias nas comportas do Açude Engenheiro Avidos (Boqueirão de Piranhas), em Cajazeiras, as chuvas seriam motivo apenas de festa e alegria.

Acontece que essas obras se arrastam há anos e nunca terminam, e agora o volume d`água no manancial ameaça romper a a parede de contenção feita para propiciar exatamente aquelas obras.

Se isso acontecer, toda a água acumulada pelas chuvas, mais as que chegaram via transposição do São Francisco serão perdidas e escoadas sem controle.

O que diz o DNOCS

Através de uma nota de esclarecimento, o DNOCS afirma que “algumas medidas estão sendo tomadas na barragem” e que após uma diminuição de 10cm no volume do açude, “uma equipe especializada está realizando monitoramentos contínuos no local”.

“O DNOCS já está com profissionais mobilizados com equipamentos, trabalhando na elevação da cota do coroamento e, se necessário, promover o içamento das comportas do vertedouro para uma maior descarga do volume de água”, diz a nota.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Homem é preso por crime de dano e PM descobre que o mesmo era foragido da justiça em Bonito de Santa Fé

ato seguinte, foi realizado rondas nas proximidades da referida escola, sendo encontrado o investigado identificado como FÁBIO DA SILVA PEREIRA, sendo conduzido até a Delegacia de Polícia Civil Uma guarnição da PM de Bonito de Santa Fé foi solicitada ontem, pelo CIOP, dando conta que o acusado teria jogado pedras […]

Subscribe US Now