Um jogo adiado do Campeonato Baiano, com pouco efeito para a tabela de classificação, foi fundamental para o lateral-direito Patric começar uma lua de mel com a torcida do Vitória. O jogador emprestado pelo Atlético, que deixou o clube alvinegro após atuações ruins em sequência, caiu em descrédito com a torcida do Galo, mas se deu muito bem na troca de time. Patric deu duas assistências para a vitória do Leão da Barra por 2 a 1 contra o arquirrival Bahia, neste domingo.

Os gols marcados por Cleiton Xavier e Kadu saíram após passes de Patric. O segundo dele, inclusive, em cobrança de escanteio. O jogador está cedido ao Vitória até o fim do ano. Outros atletas emprestados pelo Atlético, entretanto, não tivera um domingo tão brilhante quando do ex-camisa 29 do Galo.

Os atacantes Carlos e Clayton participaram da reta final da partida entre Internacional 3×1 Cruzeiro-RS e Corinthians 1×0 Botafogo-SP, respectivamente. Apesar de vencerem os duelos válidos pelo Campeonato Gaúcho e pelo Campeonato Paulista, os dois ex-atletas do Galo (que, em princípio, voltam de empréstimo também em janeiro de 2018), ficaram no banco e só apareceram no segundo tempo. Carlos vinha de lesão e entrou no lugar de Nico López. O jovem revelado pelo Atlético foi emprestado antes de Clayton.

Já o ex-jogador do Figueirense, com passagem apagada pelo Atlético, foi cedido ao Corinthians na troca de Marlone. Enquanto o meia-atacante já fez a primeira partida como titular no Galo marcando gol (de falta, na derrota para a Caldense por 2 a 1), Clayton só apareceu como suplente nos três jogos nos quais foi relacionado. Carlos e Clayton poderão duelar na quarta-feira, uma vez que Internacional e Corinthians se enfrentam pela Copa do Brasil.

Patric, por sua vez, entrará em campo novamente na quinta-feira, quando o Vitória, também pela Copa do Brasil, enfrentará o Paraná Clube, no Barradão. No fim de semana, o time rubro-negro enfrenta o xará da Conquista-BA pelo Baiano, nas semifinais. O Internacional se classificou para enfrentar o Caxias-RS, enquanto o Corinthians ainda espera a definição do seu adversário na semifinal do Paulistão, que será São Paulo ou Ponte Preta.